107 ANOS: A FORÇA DA INDEPÊNDENCIA